13/09/2015

Aumento de Produtividade com uso de Atrativo para Abelhas

 

 

Produtor de maçã credita aumento de 72% da produtividade ao uso de Apis Bloom.

 

O Sr. Fabiano Vandresen que possui um pomar de maçã na localidade de Cruzeiro em São Joaquim/SC, relata que após instalar as caixas de abelha notou que as abelhas saiam das caixas e voavam em direção contraria de seu pomar, voavam para o pomar vizinho. Ficou intrigado e sem entender o que estava acontecendo, pois os dois pomares eram de maçã que sabidamente tem pouca atratividade para abelhas.

Abelhas costumam selecionar as plantas que recompensam a viagem entre a colméia e a flor com mais pólen e néctar. Ao encontrar plantas com floração abundante e flores com pólen e néctar suficiente elas marcam as plantas com um feromônio, um odor característico que indica as outras abelhas que aquela planta vale a pena ser visitada. O problema para produtores de maçã é que as da macieira são preteridas pelas abelhas por outras plantas que que recompensam melhor como pessegueiros ou plantas nativas. Sem abelhas os pomares acabam tendo baixa polinização e pegamento.  

Curioso Vandresen resolveu ir na revenda local perguntar se o vizinho estava usando algum atrativo para abelhas, o revendedor informou que sim, o vizinho estava usando APIS BLOOM.

Impressionado resolveu também usar do produto no seu pomar de um hectare com histórico de baixa produtividade por causa de problemas de polinização e pegamento. Depois que aplicou o  APIS BLOOM as abelhas mudaram a direção de voo e começaram a visitar a sua área.

A área onde foi aplicado APIS BLOOM a produtividade era de 32 toneladas por hectare e que este ano pulou para 55 ton/ha, um incremento de 72% na produtividade.  Fábio Vandresen credita o aumente de produtividade  ao uso de APIS BLOOM. Disse que este ano vai usar o produto novamente.
 

ABELHAS

Abelhas precisam de néctar e pólen para a sobrevivência da colmeia e de forma sistemática marcam com feromônio as plantas que melhor recompensam a busca por estes compostos. Esta marcação poupa as abelhas da colmeia da busca por novas plantas fazendo que as plantas marcadas tenham maior visitação.

 

PEGAMENTO

Mesmo tendo boa floração não é certo que o pomar irá ter uma quantidade boa de frutos, depende do pegamento. O pegamento é um termo usado quando a flor se transforma em fruto. Para um bom pegamento é  necessário que as flores sejam polinizadas pela visitação de abelhas e outros insetos polinizadores. Sem a visita das abelhas as flores caem sem deixar um fruto no seu  lugar.
Um problema recorrente para produção de frutas como a maçã é que as abelhas preferem plantas nativas ou outras variedades do que as plantas da produção. Com baixa visitação por abelhas às flores o pomar acaba tendo baixa produtividade. Para garantir a visitação de abelhas os agricultores costumam colocar caixas com colmeias dentro do pomar na época de floração. No entanto muitas vezes as abelhas não visitam as flores das frutíferas de produção, saindo do pomar em busca de plantas nativas ou outras variedades.
Além do pegamento a polinização é importante para a formação uniforme dos frutos. Com baixa visitação por abelhas o pomar tende a ter pouca polinização das flores e consequentemente baixo pegamento e produtividade.


APIS BLOOM

Fabricado pela ISCA Tecnologias APIS BLOOM é um atrativo que libera um odor característico que indica para abelhas que plantas possuem flores com néctar e pólen suficiente para recompensar a visitação. Quando o pomar recebe aplicação de APIS BLOOM as abelhas passam a se interessar mais pela área e visitam as flores fazendo a polinização necessária para garantir o pegamento e frutos de qualidade.

 

ISCA Tecnologias

A ISCA Tecnologias desenvolve biopesticidas para o controle de pragas de uma forma natural e que não agride o meio ambiente. Esses produtos atraem ou repelem os insetos conforme as necessidades estratégicas do manejo de cada praga e são desenvolvidos a partir da tecnologia de semioquímicos, que interferem na comunicação entre insetos e entre estes e as plantas. Essas substâncias não são tóxicas e não representam riscos ao ambiente nem à saúde humana.

Os semioquímicos são a forma mais segura de controlar pragas e patógenos que a ciência conhece. Por isso, a ISCA escolheu o desafio de levar os benefícios dos semioquímicos para onde houver necessidade do controle de pragas. Esta missão motiva funcionários e parceiros, pois quanto mais sucesso a empresa alcançar, maiores serão os impactos positivos para a sociedade e para o planeta