15/06/2012

NEWS - AGRICULTURA SUSTENTÁVEL

 

 

AGRICULTURA SUSTENTÁVEL

 

Este ano a ISCA comemora 15 anos e desde 1997 investe em tecnologias que têm como fundamento principal a produção sustentável. Por meio do uso de armadilhamento com feromônio e atrativos alimentares para identificação de presença de insetos  o produtor pode usar métodos racionais de controle de pragas, são  métodos que aumentam a segurança alimentar com aumento de produtividade. Isso significa gerar alimentos seguros para a saúde humana, com respeito ao meio ambiente, garantindo a segurança do trabalhador e possibilitando o crescimento da economia.

 

Ao longo das últimas décadas, a agricultura brasileira avançou de forma segura na direção da sustentabilidade. A adoção de sistemas de produção como a Agricultura Orgânica e a Produção Integrada  foram decisivos.

 

O uso do feromônio é hoje a forma mais inteligente que a ciência conhece para o controle de pragas sem causar nenhum dano a natureza.

 

 

A contribuição da ISCA para aProdução Integrada Agropecuária (PI-Brasil)

 

Algumas das alternativas que destacam no Sistemas de Produção Sustentável são a Agricultura Orgânica, a Produção Integrada Agropecuária, a Aquicultura, a Produção Agroflorestal e a Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (iLPF).

A Produção Integrada Pecuária foi implantada de forma pioneira pela comunidade de pomicultores no sistema denominado PIM (Produção Integrada de Maçã), que serviu de referência para a implantação da Produção Integrada de Frutas - PIF, e como parâmetro para toda a política que integra hoje outras cadeias produtivas, totalizando mais de 40 produtos, como arroz, soja, café e grãos, entre outros.

A garantia de fornecimento de feromônio realizada pela ISCA de forma inovador no fim dos anos 90 foi decisiva para a implantação de métodos racionais de controle de pragas. O uso de métodos de Manejo Integrado de Pragas (MIP) possibilitou a redução do uso de agrotóxicos e aumentou os benefícios da produção com equilíbrio ambiental e manutenção de mercados de exportação.

 

Para garantir os processos de forma sustentável, a Produção Integrada possui a certificação PI-Brasil. Atualmente, 19 frutas podem ser certificadas, de acordo com as normas técnicas aprovadas. Dados da Anvisa mostram que nos últimos anos houve uma forte redução de resíduos agrotóxicos em produtos que adotam o sistema, como morango, manga, uva, caju e maçã.

 

Agricultura Orgânica

 

Apesar de não ter uma produção em grande escala, o Brasil já é o 4o maior produtor mundial de orgânicos e continua crescendo, a uma taxa de 20% ao ano. “Estamos atentos ao crescimento deste mercado, que pode não ser significativo para uma multinacional, mas para empresas como a ISCAé bastante significativo” destaca o diretor da ISCA Leandro Mafra. “Todos os nossos produtos podem ser utilizadosna produção orgânica e ajudam na viabilização desse sistema de produção. Nossa aposta é séria, e queremos crescer junto com este mercado. Prova disso é que estamos registrando mais de 30 produtos para o controle de pragas na Produção Orgânica”, acrescenta.

A produção orgânica prioriza o uso de recursos naturais renováveis disponíveis localmente e faz uso de tecnologia que visem à preservação ambiental e da biodiversidade. Esse sistema possibilita muitos ganhos, como garantia de melhoria da qualidade de vida dos trabalhadores rurais, oferta de alimentos com baixo risco de contaminação, maior conservação do meio ambiente e maior acesso da agricultura familiar aos mercados.