21/03/2017

ISCA firma parceria com Koppert e TEC-IB contra praga do Oriente Médio

 

A ISCA Tecnologias firmou parceria com a Koppert e a TEC-IB para oferecer um sistema de controle completo do escaravelho vermelho (Rhynchophorus ferrugineus). A praga causou perdas significativas à indústria de tâmaras (Phoenix dactylifera) em todo o Oriente Médio desde a sua introdução nesta região, o que ocorreu na década de 1980.

As três empresas de gestão de pragas trabalham em conjunto para desenvolver um pacote altamente eficaz e focado no controle intensivo desta praga. A ISCA desenvolveu três tecnologias inovadoras para a gestão de manejo do escaravelho vermelho na região do Golfo Pérsico: HOOK RPW, SPLAT Beetle Repel e ISCA Smart Traps. 

Hook RPW é uma formulação de longa duração que atrai e mata sem a necessidade de uma armadilha. O SPLAT Beetle Repel é uma formulação repelente altamente eficaz que impede o Rhynchophorus ferrugineus de atacar palmeiras e que cria barreiras ao seu movimento e introdução. 

Já o ISCA Smart Traps são armadilhas eletrônicas altamente sensíveis e precisas capazes de transmitir instantaneamente dados capturados para a Internet, visando uma análise imediata. A adoção destas tecnologias proporcionará à região do Golfo um controle muito mais eficaz desta praga e abrirá caminho para tornar a erradicação possível.

Nas últimas três décadas, a captura em massa com uma ou duas armadilhas de feromônio por hectare representou o padrão para o controle do escaravelho vermelho, mas o problema com a praga tem persistido durante esse tempo todo. Isso porque as armadilhas balde de feromônio são difíceis de manter, a conformidade de manutenção dessas armadilhas é baixa e o número de armadilhas que podem ser implantadas dentro de um dado campo é muito limitado, normalmente não excedendo dois pontos de controle por hectare. Em contraste, o Hook RPW é aplicado em densidades de 250 pontos de controle por hectare.

“ISCA, Koppert e TechIB estão unindo forças para trazer a região do Golfo Pérsico um sistema de controle completo do escaravelho-vermelho. O objetivo é fornecer aos produtores de tâmaras as ferramentas mais eficazes e avançados para a detecção e controle desta praga enquanto simplifica o trabalho envolvido e o impacto sobre a meio ambiente. Com a adoção dessas poderosas ferramentas em uma abordagem mais focada, acreditamos que a erradicação do escaravelho-vermelho é uma possibilidade real”, comenta o William Urrutia, diretor de Desenvolvimento de Negócios da ISCA.

Yasser Lahiani, gerente de exportação da Koppert, corrobora as afirmações de Urrutia e acrescenta que “nunca antes houve uma abordagem tão focada e intensificada contra esse que é um problema significativo para os produtores. Agora temos três empresas respeitáveis de controle biológico de pragas trabalhando em conjunto contra uma grande praga. Os resultados, então, devem ser impressionantes”.

ISCA, Koppert e TEC-IB lançaram a novidade no GFIA 2017 (Fórum Global de Inovações em Agricultura). O evento foi realizado esta semana no Centro Nacional de Exposições de Abu Dhabi (Emirados Árabes), e tem como objetivo ser uma plataforma para mostrar ao mundo como a tecnologia é a única chance real de alimentar nove bilhões de pessoas sem destruir o meio ambiente.


Leonardo Gottems